O que é que acumularia quando é provável que não receba o seu gato?

O que é que acumularia quando é provável que não receba o seu gato? Culparia o cão ou inquiriria o cão?

Melanie estava a procurar o seu gato, Chippy, e decidiu perguntar ao seu cão, Theodore. O Teodoro estava deitado na sua cama com uma curiosidade tão inofensiva que se sabe que ele estava a esconder alguma coisa.

“Theodore, onde está o Chippy? Perguntou Melanie ao seu cão.

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Pela forma como estava deitado e pela sua cara, parecia que Theodore ia fingir que não conhecia o lazer. Ele costumava ser o objetivo apropriado para proteger e perguntar à mãe com aqueles olhos que podem arranjar, o que provavelmente você também sentirá pena de ter perguntado.

No entanto, a pessoa que ele estava a preservar era a que o tinha traído.

Enquanto Teodoro fingia não entender, uma pata moderada surgiu por baixo do seu queixo e obrigou-o a comprar a cabeça.

É o Chippy!

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

O Theodore tem estado a esconder o seu irmão gato debaixo dele durante todo o tempo.

Chippy estava, sem dúvida, a passar um mau bocado a respirar debaixo do físico gigantesco de Theodore.

Ele teve que forçar seu irmão cachorro a comprar sua cabeça para que ele pudesse respirar.

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Nos componentes, Theodore costumava ser denunciado à mãe por causa da mentira.

Theodore ficou impressionado quando Chippy saiu de baixo dele, mas essa sensação desapareceu quase de imediato. Afinal, Theodore desejava mesmo que Chippy lhe desse mimos sem ser em casa.

Ou até mesmo ele desejava acariciar e gostar de Chippy durante o tempo que ele possivelmente presumisse, presumivelmente, além disso.

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Começou logo a lamber e a beijar o Chippy.

Não se sabe ao certo se o Chippy gostou ou se ficou irritado com isso. Ou até mesmo se Chippy gostou, mas não do sítio onde Theodore o estava a lamber.

Se Theodore sabia qual era a reação de Chippy, não estava para aí virado. Chippy moveu-se como se quisesse ir para longe da cama, mas Theodore moveu a pata para que Chippy não pudesse sair. Chippy está preso!

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

No entanto, Chippy não está preso.

A sua mãe reconheceu que Chippy não se deixaria acariciar desta forma se não gostasse.

Os telespectadores não puderam deixar de se deliciar com a fraternidade de Theodore e Chippy.

“O gato está à procura de se comportar de forma irritada enquanto secretamente adora o afeto”, reconheceu Aldo Torres.

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

“Aqui está o fator mais doce que já vi no caso dos animais, adoro-o”, acrescentou Ducky Lou Diva.

Alguns fizeram piadas sobre o assunto.

Reconheceram que o Chippy, possivelmente, presumivelmente, além disso, simplesmente absorveria o orgulho de ver a mãe deles, porque esteve preso debaixo de todo aquele pelo durante muito tempo!

Ou quando Chippy pressionou a pata contra o queixo de Theodore para que este levantasse a cabeça, imaginaram Chippy a afirmar que Theodore estava a estragar-lhe o pelo.

Em que é que se concentra o que costumava passar pela cabeça de Chippy enquanto ele costumava estar enterrado debaixo de Theodore? Será que ele gostava de ser acariciado pelo seu irmão cão?

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

A Melanie tem muita sorte e é abençoada pelo facto de o Theodore e o Chippy se juntarem com tanto sucesso.

Esta é uma relação verdadeiramente invulgar para caninos e gatos. Na maior parte dos casos, eles não se dão bem. Não é que sejam inimigos, mas absorvem linguagens físicas diversas.

O que seria presumivelmente considerado gentil pelos caninos, seria presumivelmente sentido como um ataque pelos gatos.

Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

Fonte:
Captura de ecrã do YouTube – ViralHog

É crucial facilitar a integração de cada animal no seu novo condomínio. A paciência é sobretudo o mais importante para uma família silenciosa.

Sempre que tiver realizado o trabalho, a partir desse momento, será em grande parte como, risos e mimos.

Está à procura de ver como é que o Chippy foi comprado? Veja o vídeo abaixo.

Por favor PARTILHAR isto com os teus amigos e familiares.

- Advertisement -